Calendário
Orientações
Projetos
Dúvidas
Links úteis
Contato
Créditos
 
 
DÚVIDAS
 
Quais são as disciplinas relacionadas ao desenvolvimento de TCCs?
Como é definido o Calendário de Projetos ?
De quem é a responsabilidade pelo cumprimento do Calendário de Projetos ?
Não acontecem aulas de Projeto I e II ?
Quando o trabalho de conclusão de curso envolve o desenvolvido de um produto, seja um software ou uma metodologia, é necessário disponibilizar uma documentação completa ( código fonte do software ou descrição detalhada da metodologia ) ?
Como é definida a orientação e a composição da banca de cada trabalho ?
Quantos são os avaliadores de um trabalho ?
A banca de avaliação precisa ser composta apenas por professores do INE ?
Como é formalizada a proposta de um trabalho de conclusão de curso ?
O trabalho de conclusão de curso é necessariamente individual ?
É possível alterar o tema, a equipe, o orientador ou a composição do conjunto de avaliadores de um trabalho ?
O que o(s) aluno(s) precisa fazer para caracterizar a conclusão de seu trabalho de conclusão de curso ( Projeto II ) ?
Como são avaliados os trabalhos de conclusão de curso ?
Em que casos é preciso submeter um projeto de pesquisa ao Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos (CEPSH)?
Existe um Regimento Interno do INE que regule os procedimentos relativos aos TCCs?
 
 
Quais são as disciplinas relacionadas ao desenvolvimento de TCCs?
O sistema de Projetos é um ambiente de apoio aos cursos de Ciência da Computação (CCO) e de Sistemas de Informação (SIN) da UFSC. Em ambos os cursos há um conjunto de 3 disciplinas, numa cadeia de pré-requisitos, durante as quais o TCC deve ser desenvolvido: uma introdutória e duas para o desenvolvimento e conclusão. As disciplinas introdutórias são INE5373 - Introdução ao Projeto (CCO) e INE5638 - Introdução ao Projeto (SIN). As disciplinas intermediárias, para o desenvolvimento dos trabalhos, são INE5433 - TTC1 (e sua equivalente INE5327 - Projeto em CCO 1), para o curso de CCO, e INE5631 - Projeto 1 para o curso SIN. As disciplinas para a conclusão dos TCCs são INE5434 - TCC2 (e sua equivalente INE5328 - Projeto em CCO 2), para o curso de CCO, e INE5632 - Projeto 2, para o curso de SIN. Para facilitar a comunicação nas informações divulgadas nesse sistema as disciplinas serão referidas genericamente como INTRODUÇÃO AO PROJETO, PROJETO 1 e PROJETO 2.
 
Como é definido o Calendário de Projetos ?
Os prazos e datas definidos no Calendário de Projetos são decorrentes das experiências obtidas em semestres anteriores, de limites estipulados pelo próprio Calendário Acadêmico e pelos procedimentos administrativos que dão suporte à atividade acadêmica na UFSC. O Coordenador de Projetos tem a responsabilidade de definir e divulgar o Calendário de Projetos de cada semestre e cabe somente a ele flexibilizá-lo ou não.
 
De quem é a responsabilidade pelo cumprimento do Calendário de Projetos ?
O trabalho de conclusão de curso deve ser feito pelos alunos e é de seu interesse que os prazos do Calendário de Projeto sejam cumpridos. O orientador e demais componentes da banca avaliadora apenas contribuem com seus conhecimentos e, no devido tempo, avaliam os alunos. A iniciativa é dos alunos e não cabe aos avaliadores gerenciar o desenvolvimento do trabalho nem cobrar o cumprimento dos seus cronogramas. Pelo contrário, cabe aos alunos facilitar o trabalho dos avaliadores e zelar pelo cumprimento dos prazos estipulados pelo Calendário de Projetos.
 
Não acontecem aulas de Projeto I e II ?
Não. As disciplinas de Projeto I e II, embora tenham horário e sala alocados nas informações sobre as matrículas, não têm aulas propriamente ditas. O tempo referente aos créditos previstos deve ser utilizado para o desenvolvimento do trabalho de conclusão de curso. Os alunos devem definir cronogramas de reuniões com os seus respectivos orientadores / coorientadores, considerando as características dos seus trabalhos, os passos para o seu desenvolvimento e as datas definidas no Calendário de Projetos para aquele determinado semestre. Os membros da banca também devem ser mantidos informados, principalmente para que tenham condições de realizar a sua avaliação do trabalho dentro do prazo previsto.
 
Quando o trabalho de conclusão de curso envolve o desenvolvido de um produto, seja um software ou uma metodologia, é necessário disponibilizar uma documentação completa ( código fonte do software ou descrição detalhada da metodologia ) ?
Sim. Na escolha do tema e definição do trabalho de conclusão de curso deve ser considerada a necessidade de que, ao final do seu desenvolvimento, sejam entregues os todos fontes ( no caso de ser um software ) ou uma descrição precisa da metodologia gerada, passando a ser um conhecimento de domínio público. O objetivo prático desta providência é o de manter um arquivo completo dos trabalhos para facilitar o desenvolvimento de novas versões a partir dos trabalhos originais. Nada impede que o escopo do trabalho e o produto desenvolvido sejam claramente limitados, desde o início do trabalho, para preservar os interesses científicos e comerciais de seus autores e das instituições ( grupos de pesquisa, laboratórios, empresas privadas etc ) que apoiaram o seu desenvolvimento.
 
Como é definida a orientação e a composição da banca de cada trabalho ?
Para cada trabalho de conclusão de curso haverá um professor responsável que é, necessariamente, um docente do INE. O professor responsável normalmente acumula a função de orientador do trabalho mas, caso o trabalho tenha como orientador um profissional que não pertença ao corpo docente do INE, o professor responsável necessariamente será o coorientador do trabalho.
Cabe ao professor responsável, em acordo com o(s) aluno(s) que desenvolverá(ao) o trabalho, convidar outros docentes ou profissionais atuantes em áreas relacionadas ao tema escolhido para comporem a banca avaliadora.
 
Quantos são os avaliadores de um trabalho ?
Cada trabalho precisa ter um conjunto mínimo de 3 avaliadores formalmente definidos, sendo que um deles será o professor responsável pelo trabalho junto ao INE ( exercendo a função de orientador ou de coorientador do trabalho ) e necessariamente é integrante do seu corpo docente. Dentre os avaliadores, um necessariamente será o orientador do trabalho. Opcionalmente o trabalho poderá ter um coorientador, que será definido entre os demais avaliadores do mesmo. Embora seja possível um trabalho ter 4 ou mais avaliadores, esta situação não é recomendável pois implica num maior esforço de interação entre o(s) aluno(s) e seu(s) avaliadores e também num risco maior de ocorrência de ausências na apresentação pública do trabalho.
 
A banca de avaliação precisa ser composta apenas por professores do INE ?
Não. A formação da banca avaliadora deve ser definida por acordo entre o(s) aluno(s) e o professor responsável pelo trabalho e deve sempre considerar a perspectiva de contribuição que as pessoas a serem convidadas possam dar ao projeto. Não há necessidade de que os convidados sejam docentes do INE ou da UFSC, bastando que tenham escolaridade de nível superior e que tenham conhecimentos ou experiência na área em que o trabalho será desenvolvido.
 
Como é formalizada a proposta de um trabalho de conclusão de curso ?
O(s) aluno(s) interessado(s) em definir uma proposta de trabalho de conclusão de curso deve inicialmente avaliar as possibilidades, considerando as suas aptidões e os seus interesses profissionais ( sejam eles voltados à pesquisa científica ou à aplicação efetiva no mercado profissional ), as perspectivas de mercado e o que mais considerar importante. A partir desta visão preliminar é necessário consultar professores do corpo docente do INE sobre seu interesse em ser o PROFESSOR RESPONSÁVEL ( seja como orientador ou coorientador ) do seu trabalho de conclusão de curso, o que pode ser feito pessoalmente ( recomendável ) ou enviando diretamente um CONVITE ao(s) professor(es) a partir deste site ( habilite-se, cadastre um título provisório para o seu trabalho e faça o convite ). De qualquer forma, para iniciar a formalização dos dados do trabalho, será necessário fazer um convite através deste site. Após a aceitação, o próprio professor responsável convidará ( através deste site ) os demais avaliadores para a composição da banca avaliadora.
 
O trabalho de conclusão de curso é necessariamente individual ?
Não. O professor responsável pelo trabalho pode avaliar se o trabalho proposto tem densidade ou complexidade adequada para que seja desenvolvido por apenas um aluno ou se fica justificada a formação de uma equipe de, no máximo, 2 alunos para desenvolvê-lo.
 
É possível alterar o tema, a equipe, o orientador ou a composição do conjunto de avaliadores de um trabalho ?
Sim. A definição de um trabalho de conclusão de curso não impede a ocorrência de alterações, desde que com a concordância do professor responsável pelo trabalho e desde que as alterações sejam formalizadas. É possível, inclusive, substituir o próprio professor responsável pelo trabalho. Neste último caso é particularmente importante tomar o cuidado de informar ao professor que era o responsável quais as razões ou circunstâncias que levaram à alteração. Entretanto, deve ser levado em conta o fato de que algumas alterações implicam em redução no tempo disponível para o desenvolvimento do trabalho e, em alguns casos, na perda de um semestre. Considerando que o TCC é desenvolvido durante a sequëncia de 3 disciplinas ( Introdução, Projeto 1 e Projeto 2 ) e que o calendário de Projeto 2 é muito apertado, a formação de uma equipe para desenvolver um mesmo TCC pode ocorrer até antes do final da disciplina Projeto 1, caracterizando assim um desenvolvimento efetivamente em equipe.
 
O que o(s) aluno(s) precisa fazer para caracterizar a conclusão de seu trabalho de conclusão de curso ( Projeto II ) ?
Além de ter feito a apresentação pública do seu trabalho e de ter obtido a freqüência mínima em apresentações, definida para aquele semestre, é preciso entregar ao Coordenador de Projetos: 01 CD contendo cópia do relatório final no formato .PDF ( contendo nos anexos um artigo sobre o próprio trabalho e cópia dos fontes do software desenvolvido ), 02 CD com cópias dos fontes do software desenvolvido e 01 CD com duas cópias do artigo (uma em formato .PDF e outra em formato .DOC).
Os CDs devem ser identificados (autoria, título e conteúdo) e protegidos por capas individuais, também identificadas.
 
Como são avaliados os trabalhos de conclusão de curso ?
Enquanto os alunos de Introdução ao Projeto ( INE5373 e INE5638 ) são avaliados exclusivamente pelo professor destas disciplinas, os alunos de Projeto I ( INE5327, INE5631 e INE5433 ) e Projeto II ( INE 5328, INE 5632 e INE5434 ) são avaliados pelo conjunto de avaliadores de cada trabalho. Em Projeto I os avaliadores consideram o nível de desenvolvimento do trabalho, sua qualidade, a iniciativa e autonomia do aluno, o texto produzido como rascunho do relatório intermediário ( que será concluído ao final de Projeto II ), o cumprimento do cronograma e fazem suas avaliações individuais. Adicionalmente, os alunos INE 5631 precisam entregar resumos de artigos e trabalhos relacionados ao tema do trabalho em desenvolvimento. Em Projeto II é avaliado o desempenho geral do aluno, a adequação dos resultados obtidos frente aos objetivos propostos, a implementação realizada ( se o trabalho envolver um software ), a qualidade geral do relatório produzido e o desempenho do aluno na apresentação pública do trabalho. Cada avaliador faz sua avaliação individual e a registra pessoalmente no Site de Projetos. A média final é calculada dividindo-se a soma das notas informadas pelo número total de avaliadores do trabalho, ou seja, caso algum avaliador não informe a nota que atribuiu ao trabalho, a média final cairá, pois o número total de avaliadores permanecerá o mesmo.
 
Em que casos é preciso submeter um projeto de pesquisa ao Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos (CEPSH)?
Pesquisas que envolvam opiniões, respostas a entrevistas, testes etc envolvendo pessoas podem, em princípio, estar nos casos previstos na Resolução CNS 196 (http://www.conselho.saude.gov.br/resolucoes/1996/Reso196.doc).
Para evitar riscos de atrasos na conclusão do seu TCC, consulte o prof. responsável pelo seu trabalho sobre a necessidade de submeter um projeto de pesquisa específico para o seu trabalho ao CEPSH.
 
Existe um Regimento Interno do INE que regule os procedimentos relativos aos TCCs?
Sim. O Colegiado do Curso de Ciência da Computação aprovou o Regimento Interno para os procedimentos dos TCCs, disponível na seção "Arquivos úteis", localizada na parte inferior da página inicial do sistema de Projetos.
Em breve, o Colegiado do Curso de Sistemas de Informação deverá aprovar o Regimento Interno para os seus TCCs.